CrossFox, EcoSport, Idea Adventure e 206 Escapade: qual é o melhor??

Posted in Uncategorized on June 17, 2009 by crossfox

O segmento dos pseudo-off-road, ou dos chamados aventureiros urbanos, cresce a cada ano no Brasil, e parece que a sede de pseudo-aventura da parte do consumidor brasileiro continua crescente. O primeiro modelo a entrar nessa nova onda, e a praticamente criar o segmento, foi a Fiat Palio Weekend Adventure, de 1999. Depois disso, as outras montadoras viram que a idéia era boa e começaram a criar os seus respectivos.

 

Hoje temos Volkswagen CrossFox, Ford EcoSport, Idea Adventure e Peugeot 206 Escapade. Não podemos citar a Palio Weekend Adventure, pois ela está prestes a mudar totalmente de design, e comparar o modelo atual, que já está ficando para traz, não seria muito justo.

Neste segmento off-road, o modelo que mais chega perto de ser um verdadeiro fora-de-estrada é o crossover Ford EcoSport, que até mesmo têm uma versão 4×4, e aliás vende super bem, coisa de umas 35.000 unidades por ano, nada mal.

Vamos falar de cada um dos quatro modelos, pontos bons e ruins, e depois contamos com seu comentário e sua opinião.

A Peugeot 206 SW Escapade tentou entrar no ramo off-road, mas dentro dos termos da montadora francesa. Ela não permitiu que itens muito extravagantes fossem instalados, descaracterizando a linha de conduta de seus modelos, e por conta disso, a 206 Escapade é praticamente uma 206 SW normal, como qualquer outra. Ela apenas têm 2,5 centímetros a mais que a 206 SW, amortecedores diferentes e pneus mistos, nada mais.

Um lado bom é que ela é bem mais barata que sua concorrência, ficando na faixa dos 48.500 reais. Seu espaço interno é o pior dos quatro modelos, mas por outro lado seu consumo é o melhor, 7 km/l na cidade e 9,4 na estrada, ambos com álcool. A lista de equipamentos de série da 206 Escapade é bem completa, contando com ar, direção, rodas de liga leve e trio elétrico, itens que outros modelos ás vezes não tem, de série.

A Fiat Idea Adventure já optou por um visual altamente carregado, com todos os adornos possíveis para se caracterizar a versão diferente. Seu acabamento interno é bem feito, mas por outro lado ela é bem cara, 55.600 reais, uns 10.000 a mais que um CrossFox por exemplo.

São os seus equipamentos que elevam o preço, tem todos os equipamentos que citamos no caso da 206 Escapade, e também CD player. O seguro da Idea Adventure também é mais barato que o de um CrossFox. Já seu consumo é mais intenso: 6 km/l na cidade e 8 na estrada, sempre com álcool.

O Volkswagen CrossFox é uma presença garantida nas ruas de qualquer grande cidade brasileira, mostrando que o brasileiro gostou mesmo do pequeno grande carrinho “aventureiro”, fato acentuado também pelo seu preço, bem menor que o da concorrência, de em torno de 45.000 reais, mas não sei se isso é uma boa coisa. Você vai pagar 45.000 reais por um carro popular, com motor 1.6, e apenas equipado com direção hidráulica, nada mais. Isso mesmo! Não tem ar-condicionado e não tem trio elétrico. Cadê o nariz de palhaço??

Ele não traz muitas vantagens, mas não podemos deixar de citar seu ótimo espaço interno, sua boa posição de dirigir e também a qualidade razoável de acabamento. São seus pontos meio fortes.

Já a Ford EcoSport, mais especificamente em sua versão FreeStyle, é o modelo que traz mais vantagens nessa briga complicada. Não que seja o melhor modelo, mas sim o que engana menos o consumidor. Já é um modelo concebido para ser meio que off-road, com altura maior do solo, um desempenho até que razoável, saído de seu motor 1.6, e uma lista boa de equipamentos, completa, com tudo que citamos que a 206 Escapade e também a Idea Adventure tem.

Nem tudo são rosas, as reclamações com relação ao acabamento continuam, mesmo com a melhoria do modelo novo, 2008. O consumo é razoável, empatando com a 206 Escapade: 7 km/l na cidade e 9,4 na estrada, com álcool.

Mas mesmo assim, sinceramente, dou minha opinião pessoal aqui no final: pagar mais de 50.000 reais por um desses modelos é algo que me dá arrepios. Essa faixa de valor compra carros mais completos, desde que você não tiver a fixação por levar pra casa um modelo “aventureiro”.

por:Karina

Advertisements

Comparativo Completo

Posted in Uncategorized on June 17, 2009 by crossfox

Ninguém tira da Palio Adventure, lançada em 1999, o mérito do pioneirismo. Mas o segmento de utilitários esportivos leves não seria o mesmo sem a arrancada do EcoSport, de 2003. O Ford teve influência decisiva porque atendeu como nenhum outro o desejo do consumidor. E fez isso, em grande parte, graças à carroceria que mais parece a de um SUV em tamanho reduzido. Seu design lembra o do americano Explorer. Hoje, o EcoSport voa em céu de brigadeiro. De janeiro a setembro deste ano, vendeu 31 290 unidades, quase o dobro do volume do CrossFox, que estreou no fi m de 2004 e é o segundo colocado no segmento, com 17 448 unidades vendidas em 2006. Neste comparativo, porém, ficou claro que seu reinado poderá ser ameaçado.

 

Desde que foi lançado, o EcoSport é o mesmo. No Salão de São Paulo, ele ganhou uma versão automática, mas já carece de uma reforma visual mais profunda. Pesam ainda os defeitos de sempre, como o acabamento descuidado. Como ponto positivo, pode-se apontar o espaço interno. Mas a vida a bordo seria mais confortável para o motorista se o banco apoiasse melhor o corpo e o ajuste do encosto fosse mais acessível. Enquanto nos rivais essa peça fica do lado direito, entre os bancos, no EcoSport ela está do lado esquerdo, entre o banco e a carroceria, espaço exíguo até para a mão de uma criança.

Na pista, o EcoSport andou junto com o Idea, mas ficou atrás da Escapade e do CrossFox. Na hora de parar, vindo a 80 km/h, precisou de 29,5 metros para frear, enquanto o CrossFox percorreu 27 metros. O EcoSport era o único na pista sem freios ABS, item que a Ford não disponibiliza. Na Escapade o ABS é de série, e no CrossFox e no Idea, opcional. Em matéria de segurança, o EcoSport ainda fica devendo os airbags frontais, dispositivo oferecido como opcional pelos rivais. Se quiser continuar na liderança do mercado, o EcoSport precisa de melhorias.


Ecosport – R$ 55.480
O ar-condicionado vem de série, mas itens como ABS e airbags não estão disponíveis.

SUSPENSÃO
Bem adaptada para as imperfeições do asfalto, a suspensão do EcoSport é apenas sofrível na terra.
Avaliação: bom

AO VOLANTE
A posição de dirigir permite boa visibilidade. A direção é leve e indireta.
Avaliação: bom

CARROCERIA
Seu maior pecado é o acabamento. O estilo ainda é atraente, apesar de já pedir uma atualização para enfrentar a concorrência.
Avaliação: bom

MOTOR E CÂMBIO
O motor 1.6 Flex leva bem o peso do EcoSport, desde que não esteja na subida ou com o ar-condicionado ligado. A transmissão longa, que visa o conforto e a economia, não ajuda para o melhor desempenho.
Avaliação: bom

MERCADO
Ele é o líder de mercado e deve ganhar novo fôlego, principalmente com a chegada da versão automática.
Avaliação: muito bom


>> página inicial

>> 1º lugar: CrossFox

>> 2º lugar: Idea Adventure

>> 3º lugar: Escapade

>> 4º lugar: EcoSport

por:Adriana

Idea Adventure x 206 Escapade x Crossfox – Ficha Tecnica Detalhada

Posted in Uncategorized on June 17, 2009 by crossfox
Ficha técnica Fiat Idea Adventure Peugeot 206 Escapade VW Crossfox
Motor dianteiro, transaversal, quatro cilindros em linha, duas válvulas por cilindro dianteiro, transaversal, quatro cilindros em linha, quatro válvulas por cilindro dianteiro, transaversal, quatro cilindros em linha, duas válvulas por cilindro
Cilindrada (cm³) 1.796 1.587 1.599
Potência (cv) 112 a 5.500 rpm (G) e 114 a 5.500 (A) 110 a 5.600 rpm (G) e 113 a 5.600 (A) 101 a 5.750 rpm (G) e 103 a 5.750 rpm (A)
Torque (kgfm) 17,8 a 2.800 rpm (G) e 18,5 a 2.800 (A) 14,2 a 4.000 rpm (G) e 15,5 a 4.000 (A) 14,3 a 3.250 rpm (G) e 14,5 a 3.250 rpm (A)
Câmbio

Manual de cinco marchas

Comprimento (m) 4,14 4,03 4,09
Largura (m) 1,71 1,64 1,68
Altura (m) 1,81 1,52 1,63
Entre-eixo (m) 2,51 2,43 2,46
Porta-malas(l) 380 313 285
Peso (kg) 1.305 1.148 1.115
Suspensão McPherson com rodas semi-independentes, braços oscilantes inferiores transversais e barra estabilizadora com amortecedores hidráulicos e molas helicoidais na dianteira na frente, e travessa de torção de seção aberta e barra estabilizadora com amortecedores hidráulicos e molas helicoidais na traseira Rodas independentes, pseudo McPherson, molas helicoidais e amortecedores hidráulicos integrados na dianteira; rodas independentes, barras de torção transversais, amortecedores hidráulicos semi-horizontais, 2 braços estabilizadores e barras estabilizadoras na traseira. Independente do tipo McPherson, com mola helicoidal integrada e barra estabilizadora independente, na dianteira, e independente, com braços longitudinais, amortecedores telescópicos e molas helicoidais, na traseira
Freios discos ventilados na dianteira e discos sólidos na traseira discos ventilados na dianteira e discos sólidos na traseira, com ABS discos ventilados na dianteira e tambor com regulagem automática na traseira
Tanque (l) 46 48 50
Preço a partir de R$ 53.320 a partir de R$ 49.850 a partir de R$ 43.807

 

por:Marilia

Idea Adventure x 206 Escapade x Crossfox MERCADO

Posted in Uncategorized on June 17, 2009 by crossfox

Apresentados os prós e contras de cada carro, vamos aos seus preços. O modelo mais em conta deste comparativo é o Crossfox, que parte de R$ 43.807 e inclui, além dos itens já citados, bagageiro de teto e direção hidráulica. Ar-condicionado, trio elétrico, freios ABS, airbags, bancos de couro, entre outros, estão entre os opcionais. Por R$ 49.850, a Peugeot oferece o 206 Escapade com os mesmos equipamentos do VW e ainda ar-condicionado, freios ABS, coluna de direção com ajuste de altura e CD Player com MP3.

A lista de opcionais da perua aventureira fica restrita a airbags e ar-condicionado com controle digital. O Idea Adventure é o mais caro desta turma, disponível a partir de R$ 53.320. Sua lista de equipamentos de série é semelhante ao do 206 Escapade. Todavia, ele conta com ampla oferta de itens opcionais, como sensores de chuva, crepuscular e de estacionamento, bancos revestidos de couro, teto solar (que exclui o bagageiro de teto), entre outros. O preço do carro completo chega a R$ 67.671.

Além dos três modelos, o segmento de veículos com aparência “off-road” conta com outros concorrentes. A perua Weekend, da Fiat, foi a pioneira entre as versões que usam acessórios que remetem à aventura. A francesa Citroën também tem seu representante nesta categoria, o C3 XTR, lançado este ano. Apesar da carroceria de jipe, o Ford Ecosport também compete com os modelos deste comparativo. Sua versão 1.6, a mais vendida da linha, não traz mecânica que proporciona aptidão para o uso fora de estrada. É também um veículo que coloca a aparência na frente da essência.

 

POR:Marilia

Idea Adventure x 206 Escapade x Crossfox DESEMPENHO

Posted in Uncategorized on June 17, 2009 by crossfox

No duelo travado neste comparativo, com números medidos pelo Instituto Mauá de Tecnologia (IMT), o Crossfox ficou milésimos de segundos à frente do Peugeot no teste de aceleração. O modelo precisou de 12,18 segundos para chegar a 100 km/h, partindo da imobilidade, enquanto o 206 Escapade levou 12,26 segundos. Ambos utilizam motor 1.6 e, com álcool, condição em que obtiveram a marca, o do VW rende 103 cavalos, enquanto rival da marca francesa tem 113 cv. Apesar do 206 Escapade contar com 10 cv a mais, ele é mais pesado que o Crossfox (1.148 kg ante 1.115 kg).

Além disso, o torque do VW, 14,5 kgfm, é alcançado em rotação mais baixa (3.200 rpm). O Peugeot gera 15,5 kgfm a 4.000 rpm. O Idea se distancia dos dois concorrentes no teste de aceleração, já que vai de 0 a 100 km/h em 13,81 segundos. Seu motor, com álcool, rende 114 cavalos e 18,5 kgfm a apenas 2.800 rpm. Apesar das vantagens nos números, seu peso, 1.305 kg, supera o dos rivais em quase 200 kg. O Crossfox volta a se mostrar mais ágil nas retomadas; segundo o IMT, precisa de 8,04 segundos para ir de 40 km/h a 80 km/h, em terceira marcha.

Idea e 206 Escapade invertem posições nesta prova; nas mesmas condições, a minivan registra 9,31 segundos, ante 9,81 da perua. O VW também apresenta melhor frenagem: ele pára depois de 12,1 metros, partindo de 40 km/h. O Fiat precisa de 13,1 m e o Peugeot de 12,6 m. No teste de consumo, porém, o modelo da marca alemã sai perdendo; segundo o IMT, faz 6,8 km/l na cidade, enquanto o Idea marca 7,2 l e o Peugeot 7,8 l. Na estrada, porém, a minivan bebe mais álcool, registrando 9,8 km/l.

O hatch médio faz 10,8 km/l em ciclo rodoviário, e a perua marca 11,7 km/l. A tecnologia bicombustível dos veículos também oferece opção de abastecê-los com gasolina. Nesta condição, o 1.8 do Idea rende 112 cavalos e 17,8 kgfm a 2.800 rpm, registrando consumo urbano de 9,1 km/l e rodoviário de 13,2 km/l. O 1.6 do 206 Escapade, com 110 cv e 14,2 kgfm a 4.000 rpm, faz 12,4 km/l na cidade e 15,7 km/l na estrada. O Crossfox, com seu propulsor 1.6, gera 101 cv e 14,3 kgfm a 3.250 rpm, e marca 9,4 km/l em ciclo urbano e 13,8 km/l nas rodovias.

Na prova de dirigibilidade, o 206 Escapade se saiu melhor. Apesar da suspensão elevada (em relação ao 206 SW), ele tem 1,52 metro de altura, enquanto o Crossfox conta com 1,63 m e o Idea Adventure com 1,81 metro. Seu banco fica em posição menos elevada que o dos concorrentes, mas isso não prejudica a visibilidade. Além disso, seu centro de gravidade mais baixo torna o carro estável e destaca sua aptidão para fazer curvas com os pneus bem grudados no chão.

No Idea, além da estabilidade ser o ponto fraco, as pernas do motorista entram em constante atrito com a coluna de direção. Todavia, seu banco elevado privilegia a visibilidade. Os três modelos contam, de série, com alavanca para ajuste da altura dos assentos. O Peugeot 206 Escapade vem com rodas de 14 polegadas. Tanto no Idea Adventure como no Crossfox, elas têm aro 15. Fiat e Peugeot contam com pneus de uso misto (on e off-road), enquanto o do VW é de utilização urbana.

por:Marilia

Idea Adventure x 206 Escapade x Crossfox

Posted in Uncategorized on June 17, 2009 by crossfox

Um hatch compacto, uma perua e uma minivan. Os segmentos são diferentes, mas uma coincidência traz os três modelos para o mesmo comparativo: eles estão equipados com itens que os deixam com aparência aventureira, além de contarem com suspensão mais alta do que as versões convencionais. Idea Adventure, 206 Escapade e Crossfox se enfrentaram na pista e, quando o assunto é estilo, o Fiat sai na frente, já que chama mais atenção quando passa pelas ruas da cidade. O carro também é o mais espaçoso.

Porém, no teste de aceleração, foi o Crossfox que se deu melhor. Ele utiliza motor 1.6 bicombustível, tecnologia também presente no propulsor dos concorrentes. Mas o Volkswagen é o carro que tem também o maior consumo de combustível na cidade, com álcool. Neste quesito, o modelo que se dá melhor é o 206 Escapade, que ganha também o teste de dirigibilidade. O veículo fabricado em Porto Real tem também a melhor relação custo/benefício, embora o menor preço seja o do Crossfox. Confira a disputa dos modelos com espírito de aventura e vocação urbana.

O estilo é o principal argumento do Crossfox, do Idea Adventure e do 206 Escapade. São versões baseadas em modelos já existentes, que usam o apelo fora de estrada como chamariz. E, para o cliente, o objetivo é chamar atenção nas ruas das cidades, ambiente para o qual os carros, sem mecânica adequada para o “off-road”, têm maior aptidão. Neste sentido, o Idea Adventure é imbatível. Ele atrai os olhares de pedestres e de outros motoristas. Além disso, foram muitas as pessoas que pararam nossa reportagem para perguntar sobre o carro.

Os atributos que fazem do Idea Adventure o campeão da contemplação são o protetor de plástico dianteiro, pára-lamas com proteção de borracha preta, barra longitudinal no teto e estepe na tampa do porta-malas. Muitos destes acessórios também estão no Crossfox, mas o Fiat chama mais atenção do que o concorrente principalmente por sua altura de 1,81 metro, que supera até mesmo a do jipe Ford Ecosport. Dos três rivais, o 206 Escapade tem o visual mais limpo, marcado principalmente pela presença de adesivos.

A montadora optou por não usar o estepe na tampa do porta-malas. A solução empobreceu a estética “off-road” do carro, mas por outro lado privilegiou sua comodidade. Isto porque, com a presença do pneu, abrir o compartimento de bagagem do Idea e do Crossfox se torna uma operação trabalhosa. É necessário destravar o tampa em um botão na cabine, puxar uma alavanca para liberar o estepe,

que fica paralelo à tampa – e só depois abrir o porta-malas.

Se o 206 Escapade é conservador no exterior, a cabine traz um material que o deixa mais agradável que os rivais, o alumínio, presente na alavanca do câmbio e nos pedais. O Idea Adventure conta com bússola e inclinômetro no console central, componentes que reforçam seu apelo fora de estrada. A cabine do Crossfox traz poucas diferenças em relação ao modelo que lhe deu origem, o Fox. Todavia, tanto o Volkswagen como o Fiat possuem bancos revestidos de couro na lista de opcionais. O Peugeot não traz este item.

O Idea volta a levar vantagem no comparativo quando o assunto é espaço. Maior do que a concorrência em todas as dimensões, ele também tem um volumoso porta-malas, que comporta 380 litros. O 206 Escapade leva 313 litros de bagagem e o lanterninha, Crossfox, 260 litros. Volkswagen e Fiat também acertaram na escolha da boa quantidade e localização dos porta-objetos de seus carros, característica não privilegiada pela Peugeot. O porta-copos, por exemplo, não está no console central, e sim na tampa do porta-luvas.

por:Marilia

Ficha Tecnica Detalhada

Posted in Uncategorized on June 17, 2009 by crossfox
Ficha técnica VW Crossfox
Motor Dianteiro, transversal, quatro cilindros em linha, 8V
Cilindrada (cm³) 1.599
Potência (cv) 101 a 5.750 rpm (gasolina) e 103 a 5.750 rpm (álcool)
Torque (kgfm) 14,3 a 3.250 rpm (gasolina) e 14,5 a 3.250 rpm (álcool)
Câmbio manual, de cinco marchas
Comprimento (m) 4,09
Largura (m) 1,68
Altura (m) 1,63
Entre-eixo (m) 2,46
Porta-malas(l) 260
Peso (kg) 1.115
Suspensão Independente do tipo McPherson, com mola helicoidal integrada e barra estabilizadora independente, na dianteira, e independente, com braços longitudinais, amortecedores telescópicos e molas helicoidais, na traseira
Freios dianteiros a disco e traseiros a tambor com regulagem automática
Tanque (l) 50

 

por:Natalia