Comparativo Completo

Ninguém tira da Palio Adventure, lançada em 1999, o mérito do pioneirismo. Mas o segmento de utilitários esportivos leves não seria o mesmo sem a arrancada do EcoSport, de 2003. O Ford teve influência decisiva porque atendeu como nenhum outro o desejo do consumidor. E fez isso, em grande parte, graças à carroceria que mais parece a de um SUV em tamanho reduzido. Seu design lembra o do americano Explorer. Hoje, o EcoSport voa em céu de brigadeiro. De janeiro a setembro deste ano, vendeu 31 290 unidades, quase o dobro do volume do CrossFox, que estreou no fi m de 2004 e é o segundo colocado no segmento, com 17 448 unidades vendidas em 2006. Neste comparativo, porém, ficou claro que seu reinado poderá ser ameaçado.

 

Desde que foi lançado, o EcoSport é o mesmo. No Salão de São Paulo, ele ganhou uma versão automática, mas já carece de uma reforma visual mais profunda. Pesam ainda os defeitos de sempre, como o acabamento descuidado. Como ponto positivo, pode-se apontar o espaço interno. Mas a vida a bordo seria mais confortável para o motorista se o banco apoiasse melhor o corpo e o ajuste do encosto fosse mais acessível. Enquanto nos rivais essa peça fica do lado direito, entre os bancos, no EcoSport ela está do lado esquerdo, entre o banco e a carroceria, espaço exíguo até para a mão de uma criança.

Na pista, o EcoSport andou junto com o Idea, mas ficou atrás da Escapade e do CrossFox. Na hora de parar, vindo a 80 km/h, precisou de 29,5 metros para frear, enquanto o CrossFox percorreu 27 metros. O EcoSport era o único na pista sem freios ABS, item que a Ford não disponibiliza. Na Escapade o ABS é de série, e no CrossFox e no Idea, opcional. Em matéria de segurança, o EcoSport ainda fica devendo os airbags frontais, dispositivo oferecido como opcional pelos rivais. Se quiser continuar na liderança do mercado, o EcoSport precisa de melhorias.


Ecosport – R$ 55.480
O ar-condicionado vem de série, mas itens como ABS e airbags não estão disponíveis.

SUSPENSÃO
Bem adaptada para as imperfeições do asfalto, a suspensão do EcoSport é apenas sofrível na terra.
Avaliação: bom

AO VOLANTE
A posição de dirigir permite boa visibilidade. A direção é leve e indireta.
Avaliação: bom

CARROCERIA
Seu maior pecado é o acabamento. O estilo ainda é atraente, apesar de já pedir uma atualização para enfrentar a concorrência.
Avaliação: bom

MOTOR E CÂMBIO
O motor 1.6 Flex leva bem o peso do EcoSport, desde que não esteja na subida ou com o ar-condicionado ligado. A transmissão longa, que visa o conforto e a economia, não ajuda para o melhor desempenho.
Avaliação: bom

MERCADO
Ele é o líder de mercado e deve ganhar novo fôlego, principalmente com a chegada da versão automática.
Avaliação: muito bom


>> página inicial

>> 1º lugar: CrossFox

>> 2º lugar: Idea Adventure

>> 3º lugar: Escapade

>> 4º lugar: EcoSport

por:Adriana

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: