Comercial da Almap para CrossFox termina na Internet

Posted in Uncategorized on June 17, 2009 by crossfox

A AlmapBBDO estréia neste sábado, 1º de abril, campanha para o Volkswagen CrossFox, que começa na televisão e continua num game na Internet em que o internauta pode viver a aventura iniciada pelo personagem do filme.

O comercial é ambientado numa tribo africana, com canibais em um de seus rituais, dançando em torno de uma fogueira. De repente surge um rapaz com um balde de água, que fura a roda dos canibais, joga água e apaga o fogo. Enfurecidos, eles partem para cima do jovem, que foge. Depois de uma boa corrida entre capim e arbustos, ele entra num CrossFox parado numa estradinha e arranca em disparada. Mostrando a agilidade do carro, ele vai desviando de troncos e buracos. O locutor, em off, recomenda: “Explore a agilidade do seu CrossFox”. Surge na tela o endereço: www.crossfoxagil.com.br.

por:Natalia

A partir daí, o internauta vai a um hotsite onde pode entrar no game e mergulhar na aventura que começou na TV. Assim como o comercial, o endereço na Internet só estará no ar a partir do sábado. Há mais um detalhe interessante: a locução do comercial é feita num dialeto africano, o Tiluba, traduzido para o português em legendas. Trata-se de um dos dialetos falados na República do Congo.

CrossFox vai um pouco além da maquiagem

Posted in Uncategorized on June 17, 2009 by crossfox

Volkswagen CrossFox, que acaba de completar quatro anos no mercado.

Metamorfoseado em “off-road light”, o compacto começa em R$ 41.100. Parece uma pechincha, mas por esse preço o carro vem bem pelado. O ar-condicionado custa R$ 3.690. O preço dos airbags dá uma idéia de como a lei que os tornou obrigatórios é importante: mais R$ 3.375. Couro nos bancos e no acabamento da cabine sai por (inacreditáveis) R$ 3.310. O exemplar que experimentamos tinha tudo isso, batendo na casa dos R$ 55 mil.
É inegável que, com seus adereços de robustez e esportividade, mais o indefectível estepe no lado externo da tampa traseira, o CrossFox colocou um pouco de tempero visual no compacto de meio de gama da Volkswagen (acima do Gol, abaixo do Polo), o qual, aliás, deve sofrer uma reestilização ainda este ano. Mas o termo “cross” esconde mais que isso.

Levamos o carro para a terra, em busca de caminhos mais desafiadores que o asfalto urbano. O resultado foi interessante. O CrossFox se beneficia da carroceria elevada para relacionar-se de forma corajosa com os obstáculos. São pouco mais de 18 cm de distância livre do solo, medida 5 cm maior que a do Fox normal — e isso faz muita diferença.
O acerto do conjunto de suspensão faz uma leitura suave de terrenos com irregulares leves, permitindo trafegar neles a uma velocidade mais elevada que a possível com carros mais baixos, ou com suspensão excessivamente mole (ou firme).

O curso também é suficiente para encarar uma buraqueira mais trabalhosa — e os pneus do CrossFox testado, embora não fossem especificamente de off-road, tinham medida adequada para essas aventuras longe do asfalto: 205/60, com aro de 15 polegadas. Não encontramos lama no caminho (não chovia há dias), mas a ausência de tração integral e de bloqueio de diferencial não recomendariam abusar.

por:Adriana

Dirigimos o CrossFox

Posted in Uncategorized on June 17, 2009 by crossfox

o Volkswagen CrossFox vem atraindo a curiosidade do público, sobretudo o mais jovem. Nós da redação tivemos a oportunidade de dirigi-lo pelo transito, e em algumas estradas acidentadas do Rio de Janeiro.

Ergonomia
Ao entrar no carro, primeira impressão que se tem é de imponência. A altura do carro elevada em 53 milímetros em relação ao Fox Sportline, dá a idéia de que o carro é maior do que realmente é. O espaço interno do carro também surpreende, há um ajuste de altura no banco do motorista que o adapta para qualquer compleição física, ainda assim sobrando espaço suficiente para o passageiro do banco traseiro. O estepe preso na traseira do veículo atrapalha um pouco a visão do retrovisor interno, um problema para pessoas mais baixas.

Estilo e acabamento
O carro vem com um acabamento simples em seu interior, bancos de vinil e acabamento de painel e portas em plástico, mas isto faz parte de seu apelo esportivo-utilitário. Mesmo assim, o CrossFox conta com os itens que não podem faltar a um carro moderno – Um som estéreo com CD player que pode ser controlado do volante, ar condicionado e travas elétricas. Conta também com 17 porta objetos espalhados por seu interior, podendo-se acomodar garrafas de 1,5 litros, latas de refrigerantes, revistas, celulares e um porta-luvas em baixo do banco do motorista.

Comportamento
Colocado em movimento, ele se comporta muito bem no trânsito, sendo bastante confortável em ruas esburacadas e fazendo as lombadas parecerem menores. O conjunto câmbio e embreagem, macio, e de engates precisos, é considerado o melhor da classe, também equipando a linha Polo.

Sua suspensão é bastante firme, mas a altura avantajada, e entre-eixos curto, faz com que o carro balance longitudinalmente em piso ondulado. Mesmo assim, o CrossFox se mantém sob controle mesmo em curvas de altas velocidade. Contudo, cuidado em curvas de piso irregular, pois sua suspensão alta e dura, aliada aos grandes pneus, pode ocasionar a perda de aderência do carro. A largura dos pneus também aconselha prudência na chuva forte, pois sendo muito leve, e o CrossFox tende a aquaplanar com certa facilidade. Mesmo assim, por serem super dimensionados para este carro, estes pneus devem durar mais que os do Fox Sportline.

Na terra há que se ter um certo respeito: seus pneus, próprios para o asfalto, são limitados em terreno enlameado, patinando com facilidade. Devemos lembrar que esta é uma adaptação de um carro de rua que não tem tração nas quatro rodas ou caixa reduzida. Apesar disto, o dá conta do recado na terra, sendo bem ágil em estradas suaves, mas sem exageros.

Portanto se você procura um carro urbano que seja robusto e que encare uma estrada de terra, esta pode ser sua opção.

por:Marilia

Pesquisa de Mercado

Posted in Uncategorized on June 17, 2009 by crossfox

O cross fox é um bom carro.?

-O cross fox e um fox metido off rood.
O custo dos penduricalhos e alto.
compra o fox normal, que muito melhor.
-Sim, é um ótimo carro. Espaçoso, moderno e de fácil manutenção. Se estiver pensando em comprar um vá em frente, mas antes faça um test drive para certificar-se de que é isso mesmo que vc quer.
-O carro é bom sim…
mas a manutenção e as peça são caras (apesar de serem iguais ao Fox comum)

Só não vai achar que ele é offroad e colocá-lo para fazer trilha, senão vai ficar atolada na primeira poça

-O cross fox ATÈ que eh um bom carro, mas não eh nem de longe o melhor q vc pode comprar pelo preço dele:

1- É metido a off road, mas NAO é offroad. Tenta colocar o cross fox em uma trilha com 20cm de lama e veja como vai terminar seu passeio ecológico.
2- É caro, mto caro pelo que oferece: onde ja se viu um carro que beira os 50 mil reais ter como ACESSORIO ar condicionado e retrovisores elétricos !?!?!?
3- Por esse valor, vc consegue carros mto melhores, praticamente zerados, como Honda Civic ( 2005 ), Peugeot 307 ( 2005 ), Golf ( 2005 ), entre outros.

NUMERO DE PESQUISAS :4
Por:Karina

Ponto de vista

Posted in Uncategorized on June 17, 2009 by crossfox

É possível superar lombadas, valetas e buracos sem forçar os amortecedores ou ameaçar a integridade das rodas de liga-leve. Também diminuem as chances de raspar a parte inferior da dianteira no chão.

Por outro lado, fica muito claro que os itens de robustez do CrossFox, com os “estribos” laterais e a grade dianteira reforçada, além dos skid plates, são somente de aparência. Não têm uso prático na terra, e na cidade sua função é destacar-se na paisagem.

Por dentro, o CrossFox entrega itens mais esportivos do que aventureiros, como o volante e os bancos especiais revestidos em couro (como já dito, opcionais). É um habitáculo pensado para oferecer uma posição de dirigir mais alta, quase como uma minivan, gerando uma sensação de “segurança” no trânsito. Descontando o painel minúsculo, que inclui o inadequado conta-giros na vertical e com escala ímpar, os ocupantes são bem tratados.

Sob o capô, o CrossFox traz o motor flex VHT de 1,6 litro, com 101/104 cavalos (gasolina/álcool) de potência e uma excelente curva de torque com pico de 15,6 kgfm já às 2.500 rotações (álcool). É um propulsor adequado para o tamanho e a proposta do carro: garante agilidade na cidade e boas retomadas na estrada, além da necessária força em baixa rotação para o uso off-road. E o câmbio tem a habitual qualidade da caixa MQ 200.

Mas não pise tão fundo: devido à altura, aos pneus e à suspensão, o CrossFox não inspira confiança quando se trata de velocidades mais altas. Não passe de 120 km/h, onde for esse o limite, e seja feliz.

por:Karina

O CROSSFOX DA STEFHANY

Posted in Uncategorized on June 17, 2009 by crossfox

A cantora piauiense Stefhany (mais sobre ela aqui), gravou uma versão de ‘A Thousand Miles’, canção de Vanessa Carlton, rebatizada de ‘Eu Sou Stefhany’. O (inacreditável) clipe da canção já está bombando na Web, e tem como ator coadjuvante um… Volkswagen CrossFox! Stefhany chega ao requinte de citar o aventureiro da VW na letra “o ‘If I could fall…’ do original vira ‘No meu CrossFox…’ A Volkswagen disse desconhecer a música e o clipe.

Há quem diga que se tratou de um golpe de marketing de uma agência de publicidade próxima à Volkswagen. Outros dizem que não é nada disso, que Stefhany é um minifenômeno de público no Piauí, e que ela ama de verdade o seu CrossFox. Clique na imagem para ver (ou rever) esse clipe, um viral que tem o compacto aventureiro da Volks como astro coadjuvante

por:Adriana

Analise em detalhes o novo Cross Fox

Posted in Uncategorized on June 17, 2009 by crossfox

Os modelos de veículos “aventura” ou com estilo “vida ao ar livre”, têm despertado cada vez mais o interesse dos usuários. Este segmento exigente, pede produtos com tecnologia, inovação, design jovem e arrojado, qualidade e confiança. Sem dúvida, o CrossFox da Volkswagen está atendendo satisfatoriamente este mercado. Conheça a versão 2007 do veículo.

Análise geral:
Externamente, o Crossfox 2007 mudou apenas o conjunto óptico dianteiro. Mesmo assim, manteve as dimensões e aumentou a capacidade de alcance e luminosidade dos faróis. Internamente, os bancos dianteiros receberam novo acabamento nas laterais: são elásticos trançados que “imitam” a parte externa das mochilas para carregar cordas ou capacetes, seguindo assim o visual “Adventure”

Nossas impressões: Visual
O Cross Fox 2007 possui motor 1.6 8V, que suporta gasolina e álcool. Com o primeiro, faz de 0 a 100 km/h em 11,1 segundos, enquanto com álcool ele chega a 100km em 10,9 segundos.

A capacidade do tanque é de 50 litros. Com gasolina, ele percorre 11,3 quilômetros por litro nas cidades e 16,6 nas estradas. Com álcool, os números são 7,6 e 11 respectivamente.

O porta-malas tem capacidade de 260 a 353 litros.Marca já registrada do Fox pelo seu tamanho interior, o CrossFox não peca em transportar seus passageiros com conforto e bagagens modestas.

As dimensões externos do CrossFox são 1,689 metros de largura, 1,639 de altura e 4,082 de comprimento.

Sem dúvida alguma, uma excelente opção para quem quer curtir o visual de aventureiro, umas belas viagens nos finais de semana e a vida ao ar livre.

Preço
Modelo Básico: R$ 43.600,00
Opcionais, sob consulta: – Freios ABS, Ar condicionado, airbags

por:Adriana